Clonagem de WhatsApp é cada vez mais frequente

Clonagem de WhatsApp é cada vez mais frequente

O criminoso cadastra indevidamente o número de telefone do usuário em outro dispositivo. Saiba como se proteger, os cuidados para prevenir e o que fazer em caso de ser uma vítima

O WhatsApp se tornou, sem qualquer dúvida, em uma das principais ferramentas de comunicação. Até mesmo aos que não eram muito chegados, cederam aos seus apelos. Mas você já imaginou se ele fosse clonado?

Esta situação está cada vez mais frequente. A startup PSafe estima que mais de 8,5 milhões de pessoas no País já tiveram o aplicativo clonado.

Uma pesquisa apontou que 26,7% dos entrevistados relataram o vazamento de conversas privadas como o principal prejuízo da clonagem de WhatsApp, seguido de envio de links com golpes para outros contatos (26,6%); solicitações de dinheiro aos amigos (18,2%), perda da conta do WhatsApp (18,0%) e chantagem (10,5%).

Segundo a profissional de Privacidade de Dados, Karine Porton, a clonagem é realizada com o criminoso cadastrando indevidamente o número de telefone do usuário em outro dispositivo. Após esse processo, um SMS contendo um código de liberação de acesso é enviado ao celular da vítima. Detalha que, depois, ela é induzida a fornecer esse código ao hacker e, em seguida, a sua conta de WhatsApp é bloqueada.

CUIDADOS
Na maioria das vezes, acentua Karine, o golpe ocorre após divulgar o número de celular em anúncios de compra e venda em redes sociais. Por isso, segundo ela, nunca repasse códigos de confirmação SMS para terceiros e sempre fique atento com dados conflitantes nas mensagens recebidas.

Orienta que é necessário que se habilite a autenticação de dois fatores, disponível no próprio WhatsApp, para aumentar a segurança da conta. Para ativar, abra seu WhatsApp e toque em Configurações (Android) / Ajustes (iOS) > Conta > Confirmação em duas etapas > ATIVAR.

Se utilizar o WhatsApp Web, não esqueça de sair da conta após o uso. Para saber se alguém está usando sua conta em um computador, vá até as Configurações/Ajustes e selecione WhatsApp Web. “Se estiverem usando o seu WhatsApp, aparecerá o nome do dispositivo no qual ele está conectado. Para desconectar, basta selecionar Sair de Todos os Computadores”, explica.

Caso a sua conta seja clonada, tente reinstalar o app o mais rápido possível. Para isso, orienta Karine, desinstale o aplicativo do WhatsApp, baixe novamente e tente entrar na sua conta com o novo código de ativação.

Também orienta sobre a necessidade de que se registre um Boletim de Ocorrência (BO) junto à Polícia Civil e comunique seus contatos, familiares e amigos. E lembra-se, caso alguma pessoa tenha feito transferência, comunique a instituição bancária e envie e-mail para support@whatsapp.com informando o ocorrido

Informações Notisul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *