Criação de Autarquia da Cosip em Jaguaruna -Administração Municipal Coloca o Carro Diante dos Bois Desafiando Vereadores Sem que haja projeto Aprovado

Jaguaruna

Um ano e sete meses de administração conturbada em Jaguaruna e sem  diálogo do excutivo  com o legislativo, projetos  sem explanação por parte do executivo  em reuniões de comissões  ,e com muita audácia e autitárismo  por parte do atual mandatário do municipío de Jaguaruna,chegamos em breve em mais uma queda de braço.

Aguarda-se  a tramitação  do projeto de Lei de Numero 048 de 15 de Julho de 2022  que cria cargos  de tecnicos em eletrotécnica  e auxiliar tecnico e da outras providencias.

Um total de 08 cargos para  instalação de mais uma autarquia  da COSIP em Jaguaruna,para qual sem o conhecimento dos vereadores já comprou duas camionetes que já se encontrarm equipadas no valor total de R$ 744.000,00  colocando os equipamentos na frente do paço municipal tentando forçar os vereadores primeiro  aprovar o projeto de lei,para instalação do departamento de cosip em Jaguaruna,sem um estudo de viabilidade econômica sem ter o aval dos vereadores,onde  uma parceria publico privada poderá ser mais viavél para Jaguaruna.

E se pregam tanto a econômia porque o projeto contempla  a aprovação de mais oito cargos para processo seletivo.

Fica a pergunta pra que câmara de vereadores se o Prefeito quer fazer o que bem entende sem autorização dos vereadores,é preciso ter mais respeito entre os poderes ,próxima quarta feira a sessão de plenário promete se bastante acirrada com este episódio por conta do desrespeito do executivo Jaguarunense para com os vereadores.

Não existe garantias que o projeto  va ser aprovado pois , vamos aguardar a próxima sessão do legislativo de comissões na próxima segunda feira e a sessão de plenário na próxima quarta feira que poderá ter surpresas.

Acompanha na ìntegra o projeto 048/2022

 

PROJETO DE LEI Nº 048, DE 15 DE JULHO DE 2022
“CRIA OS CARGOS DE TÉCNICO EM
ELETROTÉCNICA E AUXILIAR TÉCNICO E
DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”
A CÂMARA MUNICIPAL APROVA:
Art. 1º. Ficam criados quatro cargos de técnico em eletrotécnica e quatro cargos de
auxiliar técnico, abaixo discriminados:
CARGO QUANTIDADE VENCIMENTOS CARGA
HORÁRIA ATRIBUIÇOES / QUALIFICAÇÃO
Técnico em
Eletrotécnica
04 R$ 2.100,00 40
HORAS
DESCRIÇÃO DAS PRINCIPAIS
ATIVIDADES: 1. Executar manutenção
programada e de emergência em redes
de energia elétrica, aéreas ou
subterrâneas, energizadas ou não,
efetuando o reparo ou a substituição de
equipamentos de Iluminação Pública e
alimentação de circuitos de Iluminação
Pública, acessórios e materiais
danificados, limpezas inerentes ao
serviço de manutenção de iluminação
pública, corte e poda de árvore; 2.
Efetuar inspeção em redes de energia
elétrica, aéreas e subterrâneas,
examinando seu estado de
conservação, utilizando as informações
do cadastro ou elaborando croqui,
registrando as irregularidades e
relacionando os materiais necessários
para instruir a programação do serviço
de manutenção e a atualização
cadastral; 3. Fiscalizar o serviço de
roçada nas redes de energia elétrica,
executado por terceiros, aprovando o
serviço realizado; 4. Executar a
construção de redes de energia elétrica;
5. Executar manutenção eletromecânica
de equipamento, ferragem e material,
efetuando testes e ensaios para
reaproveitamento no sistema de
Iluminação Pública; 6. Executar
manutenção e conservação de
instalação, efetuando reparo
eletromecânico, limpeza e pintura; 7.
Efetuar o registro de todo o material
utilizado no sistema elétrico, visando o
controle de suprimento; 8. Efetuar
atividades administrativas de apoio e
controle dos serviços da área técnica e
operacional; 9. Realizar relatório diário
Estado de Santa Catarina
Município de Jaguaruna
2
referente as atividades técnica e teórica
executadas, visando o aprendizado em
equipe; 10. Dirigir veículo do
Departamento de Manutenção de
Iluminação Pública, transportando
equipe e material de trabalho e
responsabilizando-se por sua
manutenção; operar o cesto aéreo de
caminhão munck; 11. Efetuar tarefas
necessárias ao desempenho das
atividades do cargo; 12. Coordenar e
participar de projetos e equipes de
trabalho; 13. Manutenção de IP de
praças e parques, bem como
manutenção e instalações temporárias
de datas comemorativas e ocasiões
festivas; 14. Executar outras atividades
inerentes ao cargo.
REQUISITOS MÍNIMOS PARA
PROVIMENTO: Ensino médio completo
acrescido de curso profissionalizante de
técnico em Eletrotécnica ou Ensino
Médio profissionalizante de técnico em
Eletrotécnica;
Curso NR10;
Curso NR12;
Curso NR 35;
Registro ativo/vigente no Conselho
Federal dos Técnicos Industriais – CFT
ou outro Conselho Federal equivalente;
Carteira Nacional de Habilitação B ou
superior.
Auxiliar
técnico
04 R$ 1.500,00 40
HORAS
DESCRIÇÃO DAS PRINCIPAIS
ATIVIDADES: 1. Auxiliar a execução da
manutenção programada efetuando o
reparo ou a substituição de
equipamentos, alimentação de circuitos,
acessórios e materiais danificados,
limpeza de faixa, corte e poda de árvore
relacionados à Iluminação Pública; 2.
Auxiliar na inspeção em redes de
energia elétrica, aéreas e subterrâneas,
examinando seu estado de
conservação, utilizando as informações
do cadastro ou elaborando croqui,
registrando as irregularidades e
relacionando os materiais necessários
para instruir a programação do serviço
de manutenção e a atualização
cadastral; 3. Auxiliar na fiscalização do
serviço de poda de arvores próximas as
redes de energia elétrica, inclusive
quando executado por terceiros; 4.
Auxiliar na execução da construção de
redes de energia elétrica; 5. Auxiliar na
execução da manutenção
eletromecânica de equipamento,
ferragem e material, do sistema de
Iluminação Pública; 6. Auxiliar na
execução da manutenção e
conservação de instalação, limpeza e
pintura de peças e materiais
Estado de Santa Catarina
Município de Jaguaruna
3
relacionados à Iluminação Pública; 7.
Auxiliar no registro de todo o material
utilizado no sistema elétrico, visando o
controle de suprimento; 8. Auxiliar na
execução das atividades administrativas
de apoio e controle dos serviços da área
técnica e operacional; 9. Dirigir veículo
do Departamento de Manutenção de
Iluminação Pública, transportando
equipe e material de trabalho e
responsabilizando-se por sua
manutenção; operar o cesto aéreo de
caminhão munck; 10. Efetuar tarefas
necessárias ao desempenho das
atividades do cargo; 11. Participar de
projetos e equipes de trabalho; 12.
Auxiliar na execução da manutenção de
Iluminação Pública de praças e parques,
bem como manutenção e instalações
temporárias de datas comemorativas e
ocasiões festivas; 13. Realizar inspeção
diária no veículo de trabalho a fim de
conferir as condições necessários para o
desempenho das atividades.
REQUISITOS MÍNIMOS PARA
PROVIMENTO: Ensino médio completo
e Carteira Nacional de Habilitação B ou
superior.
Parágrafo único: Fica o Chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a contratar
esses servidores em caráter temporário, na forma estabelecida na Lei Municipal nº
1.643/2015, sendo que posteriormente realizar-se-á concurso público, nos termos do
art. 37, inciso II, da Constituição Federal de 1988.
Art. 2º. A contratação consistirá na realização de processo seletivo com exame de
provas e títulos.
§ 1º Em relação às contratações observar-se-á o número de vagas determinadas na
presente lei, bem como carga horária, vencimentos, assim como a qualificação exigida
para a ocupação do referido cargo.
§ 2º Cessada a necessidade que motivou a contratação, estará a Administração
Municipal autorizada a promover rescisão do contrato, ainda que antes da data
prevista para o seu término, sem que disto decorra qualquer obrigação de indenização
a seu ocupante.
§ 3º Cessada as contratações, o cargo instituído não será extinto, passando a compor
o quadro de servidores do município, nos termos da lei municipal 1.170/2007.
Art. 3º. As contratações autorizadas nesta Lei têm por fundamento a necessidade
temporária de excepcional interesse público, bem como pela necessidade do regular
funcionamento da rede municipal de Iluminação Pública.
Estado de Santa Catarina
Município de Jaguaruna
4
Art. 4º. As despesas decorrentes desta Lei correrão por conta de dotação
orçamentária específica.
Art. 5º. Os servidores temporários contratados em razão desta Lei, não podem
assumir cargos comissionados.
Art. 6º. Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.
Paço Municipal, 15 de julho de 2022.
LAERTE SILVA DOS SANTOS

 

Fonte: Sul em Destaque.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *